Coleção L&PM Pocket


DUELISTAS, OS

THE DUEL

Joseph Conrad

Tradução de André de Godoy Vieira

R$19,90

No início do século XIX, Féraud e D'Hubert, dois oficiais franceses do Grande Exército de Napoleão Bonaparte, encontram-se. Uma disputa por uma ninharia se transforma em animosidade. Eles duelam – o que é proibido a oficiais franceses em tempos de guerra –, mas o duelo não é conclusivo. A partir de então, suas vidas nunca mais serão as mesmas. Ambientada em vários lugares da Europa e tendo como pano de fundo as guerras napoleônicas, essa é a história de dois homens marcados por uma obsessão: eles passarão a existência procurando e desafiando um ao outro para sucessivos combates.

Joseph Conrad (1857-1924) escreveu essa perturbadora novela – na qual o comportamento humano é mostrado de forma dramática e intensa – baseando-se numa pequena notícia lida em um jornal francês. Publicado primeiramente em 1908 na revista britânica Pall Mall, em formato de folhetim, The Duel (também conhecido pelo título The Point of Honor), foi adaptado para o cinema por Ridley Scott como Os duelistas, em 1977, estrelado por Keith Carradine, Harvey Keitel e Albert Finney.

Escrita por um dos grandes exploradores dos recônditos da alma humana, Os duelistas é também uma metáfora das ambições expansionistas napoleônicas e, em última análise, da política e da guerra.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    DUELISTAS, OS

  • Título Original:
    THE DUEL
  • Catálogo:
    Coleção L&PM Pocket
  • Gênero:
    Literatura clássica internacional
    Aventura Ficção
  • Referência:
    705
  • Cód.Barras:
    9788525417879
  • ISBN:
    978.85.254.1787-9
  • Páginas:
    144
  • Edição:
    julho de 2008

Vida & Obra

Joseph Conrad

Nasceu Józef Teodor Konrad Nalecz Korzeniowski, filho de pais poloneses, na cidade de Berdichev, na Ucrânia dominada pela Rússia czarista. Seus pais eram nacionalistas poloneses e, por causa de suas atividades políticas anti-russos, foram exilados para a remota província de Vologda, ao norte. Joseph, então com quatro anos, os acompanhou. Aos onze anos de idade, ficou órfão de pai e mãe. Seu tio materno Thaddeus Bobrowski tomou conta do sobrinho e foi seu mentor e res­ponsáv...

Ler mais

Opinião do Leitor

Daniel Aço / Porto Alegre-RS

O livro é literatura pura, de primeiríssima qualidade. Magistralmente bem escrito, retrata a insólita rivalidade entre dois duelistas à época dos horrores revolucionários. O enredo traz uma mensagem tácita muito elaborada, que mostra a verdadeira essência desta primitiva prática que é o duelo. Uma leitura tranquila, recomendada a quem gosta de páginas bem pensadas e minuciosamente bem escritas.

14/05/2009 17:11:24

Você também pode gostar